17 de jul de 2008

TINTA ANTIMOFO

Paredes com infiltrações, cheias de imperfeições e aspecto deteriorado. Quem não se deparou alguma vez com um problema como esse?
Chuva, calor e a umidade que, combinados, tornam-se o ambiente perfeito para a rápida proliferação do mofo – ou fungo, como é tecnicamente chamado –, muito comum em países tropicais como o Brasil.
Há inúmeras marcas e tipos de tintas no mercado, e as de alta qualidade tendem a ter mais agente antimofo dos que as mais econômicas.
Aplicar uma pintura antimofo sobre uma parede já com mofo sem antes limpar adequadamente a superfície não vai resolver o problema de mofo. Alias, o mofo que permanece na parede vai migrar a través da nova camada de pintura até chegar a superficie e ficar visível novamente.

Um comentário:

Paula Fuzeto disse...

Ana,

Você sabe a melhor forma de tratar a parede antes de aplicar uma nova tinta anti-mofo?

Obrigada,
Beijinhos


Paula